Lynne Knowlton é uma designer canadense, que sempre se inspira em elementos orgânicos e naturais em seus projetos. Este gosto pelo meio ambiente, aliado ao espírito aventureiro a fez planejar uma casa na árvore, feita com materiais reaproveitados.

A ideia surgiu quando um amigo da família perdeu um celeiro em um tornado. Com a estrutura comprometida, a opção foi vendê-lo e Lynne enxergou nos materiais uma nova oportunidade. Toda a madeira, vigas e o telhado de zinco que estavam na construção, foram reaproveitados e transportados até uma área campestre, próxima a Durham, Canadá.

Construir uma casa na árvore sempre foi um sonho, uma espécie de esconderijo para as crianças. Já para os adultos este ideal funciona mais como um retiro, onde é possível descansar e relaxar. Com uma família de seis pessoas, a “Mansão na Árvore” foi capaz de agradar a todos os integrantes.

A casa começou a ser construída para ter apenas um andar. No entanto, a empolgação com a obra foi tão grande que a família partiu para um segundo pavimento. Em seu site, Lynne ressalta o fato de a construção ser feita quase que inteiramente com materiais reaproveitados.

Nem tudo o que foi usado na edificação é proveniente do celeiro desativado. Outros amigos participaram do projeto, doando itens que não lhes eram mais tão úteis. A pia, por exemplo, estava abandonada no quintal de um vizinho, o fogão a lenha era da antiga residência, e até mesmo o escorregador instalado na casa era de um parque de diversões desativado.

Apesar de não ser a casa principal da família, a Mansão na Árvore é um refúgio constante. Lynne garante que, sempre que podem, eles vão dormir lá, para poder ouvir o som das árvores e da chuva e ainda ter a oportunidade de dormir sob as estrelas. Essa é a maneira encontrada por eles para estarem sempre conectados à natureza.

Fontes: http://www.lynneknowlton.com/treehouse-squirrel-trouble-capital-t-trouble/hunters/

 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Compartilhe!
  • Print
  • del.icio.us
  • Facebook
  • Yahoo! Buzz
  • Twitter
  • Google Bookmarks
  • Add to favorites
  • email
  • LinkedIn
  • Live
  • Orkut
  • RSS
  • Technorati
  • Digg
  • MySpace
  • Tumblr

Artigos Relacionados: